Seja sempre você mesmo, nunca o mesmo

Resolvi compartilhar com vocês um sentimento e contexto que me fez recordar inicialmente a música “Modinha para Gabriela” do saudoso compositor Dorival Caymmi, transcrevendo o seguinte trecho:

“ Eu nasci assim

Eu cresci assim

Eu sou mesmo assim

Vou ser sempre assim”

Sei que o processo de mudança, não é nada fácil, até mesmo nas coisas mais simples. Cada pessoa tem seu nível de resistência, pois o nosso cérebro tem muito a ver com o nível de obstáculos que colocamos em nossa trajetória para um novo caminho ou uma nova forma de caminhar.

Na vida, ou você muda ou a vida trata de mudar você, isso é fato! Essa mudança requer muita permissão, consciência do querer mudar, disciplina, foco, novos hábitos, desapego, exigindo muitas vezes uma força descomunal e desgastante para algumas pessoas, enquanto outras possuem uma adaptabilidade maior, mas com seu grau de limitação, enfim, cada qual ao seu nível.

O Físico Alemão Albert Einstein, dizia que: “insanidade é continuar fazendo a mesma coisa e esperar resultados diferentes”. Seria mais fácil se fôssemos instruídos e desenvolvidos para agirmos com foco, comprometimento, determinação, persistência em direção aos nossos objetivos que almejamos na vida.  Contudo, nossa realidade é totalmente diferente: nas escolas tradicionais somos adestrados para passarmos de ano com boas notas, bom comportamento e passar nas provas para o ingresso em instituições de ensino superior e galgar o tão sonhado diploma da graduação. Seria bom se, nessas mesmas escolas, tivéssemos a disciplina que nos ensinasse sobre atitudes necessárias para obtermos os melhores resultados na vida e na profissão, de evoluirmos como seres humanos, lidar com as frustações, perdas e ganhos que a vida nos proporciona em toda nossa trajetória existencial. Em virtude do exposto, hoje me deparo com pessoas insatisfeitas profissionalmente, sem direcionamento e esperando que as coisas aconteçam por obra divina e, dessa forma, muitos se deixam levar pela vida sem rumo e sem prumo.

Tive e tenho a grata oportunidade desde criança de conviver com pessoas experientes, de fontes inesgotáveis de amor e muita sabedoria. Considero que são pessoas jovens de idade cronológica, mas de espírito bem amadurecidas. Sempre ouvi e ouço a seguinte expressão: “na vida, ou você aprende pelo amor ou pela dor”. Sempre quando ouço, fico reflexiva e respondo a mim mesma, minha opção sempre será pelo amor, mas como o passar do tempo, observei que não tenho como fugir do aprendizado pela dor e que é demasiadamente necessário, restando apenas saber encarar e tirar grandes ensinamentos desse aprendizado com resiliência. O aprendizado pela dor tem a alta capacidade de curar as doenças da alma, proveniente da vaidade, orgulho, egocentrismo, egoísmo, soberba, inveja e dentre tantos outros males que nos afligem. Através deles e da misericórdia divina, despimos e nos desvencilhamos dos mais deploráveis sentimentos, lembrando que nem todos conseguem e precisam vivenciar muitas dores para evoluir.
Vou ser sincera: minha opção ainda é pelo amor, mas também não é muito fácil, pois está longe dessa que vos escreve, chegar a um amor genuíno e incondicional, porém, minha busca e desejo é diuturnamente e as pessoas que surgem em minha vida com suas diferenças têm levado-me a caminhar nesse trajeto o dia todo e todos os dias.

As dores que vivenciei, vivo e vivenciarei, procuro aceitá-las, me entregar, confiar, agradecer, enfrentá-las, seguir sempre em frente e avante! Sempre tive a convicção que tudo na vida passa. Afinal, nada é para sempre, tudo dura o tempo necessário para fazer a diferença em um curto ou longo intervalo de tempo e posso dizer que venho aprendendo direitinho as lições que a vida nos oferta, saindo-me bem melhor como ser humano, mais fortalecida e com muita história para compartilhar.

Seja sempre você mesmo, nunca o mesmo. Aproveite o máximo adquirir conhecimentos e aprendizados em todos os âmbitos da sua vida, extraindo dessa fonte inesgotável de sabedoria, que é a vida. Procure expandir o máximo o radar da curiosidade, do aperfeiçoamento comportamental e técnico e, acima de tudo, do compartilhamento. Quando compartilhamos e nos permitimos a retroalimentação, nos tornamos uma pessoa e profissionalmente melhor. Não melhor do que o outro, mas para você e para o outro. Não perca a sua essência, deixando-se levar pela aparência. Seja você mesmo, sem máscaras, sem faz de conta, pois só a sua essência pode dar sentido ao seu propósito, a sua razão de existir, a significar e construir um legado que por ninguém pode ser plagiado, terceirizado ou delegado, apenas única e exclusivamente a você que é protagonista da história da sua VIDA!!!

-LIC-IDADE com muita Felicidade

 

Rosana agosto 2017Rosana Nicácio da Silva

Consultora na área de  Gestão com as Pessoas, Palestrante, Professional Coach e Analista Comportamental DISC Profile,  pela Sociedade Latina Americana de Coaching - Slac e Facilitadora da Lego® Serious Play® Methods

Contato: (84) 99670-6309-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Facebook: rosana.nicacio.7

 

 

 

 

Capacitarh rosana

linkedin

Em destaque

logo com o ISSN

Recanto da Lusofonia logomarca

Editoras - Portugal

Editoras - Brasil

 

 

 

 Renova Livro carto

 

 

Portal Literário - Um Mundo literário ao seu alcance

 

Autor parceiro
Tito Mellão Laraya

 Imagem Tito Laraya